top of page

Taboão da Serra começa a aplicar dose de reforço contra a Covid-19 em imunossuprimidos graves

Vacina pode ser ministrada em imunossuprimidos graves que tomaram segunda dose há pelo menos 28 dias


A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Taboão da Serra iniciou hoje (29) a aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em pessoas com alto grau de imunossupressão que tomaram a segunda dose há pelo menos 28 dias.


Aplicação de dose de reforço contra Covid-19 em imunossuprimidos graves começou em Taboão da Serra (FOTO: Ian de Freitas/Secom)



São consideradas imunossuprimidos graves pessoas que possuam imunodeficiência primária grave, HIV/AIDS e doenças imunomediadas inflamatórias crônicas, autoinflamatórias ou intestinais inflamatórias. Pacientes que realizam quimioterapia para câncer, transplantados de órgão sólido ou de células-tronco hematopoiéticas em uso de drogas imunossupressoras, usuários de drogas modificadoras da resposta imune (Metotrexato, Leflunomida, Micofenolato de mofetila, Azatiprina, Ciclofosfamida, Ciclosporina, Tacrolimus, 6- mercaptopurina, Biológicos em geral (infliximabe, Etanercept, Humira, Adalimumabe, Tocilizumabe, Canakinumabe, Golimumabe, Certolizumabe, Abatacepte, Secukinumabe e Ustekinumabe); Inibidores da JAK (Tofacitinibe, Baracitinibe e Upadacitinibe), que são tratados com corticóides em doses ≥20 mg/dia de Prednisona, ou equivalente, por cerca de 14 dias, ou que fazem terapia renal substitutiva (hemodiálise) também se encaixam nos critérios para receber a dose de reforço.


Para receber a imunização extra, o morador que se adequa às situações citadas acima deve comparecer em uma Unidade Básica de Saúde ou no ponto de vacinação do Parque das Hortênsias de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

8 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page